Conexão Política Congresso dos EUA vai investigar Facebook, Google, Microsoft e...

Congresso dos EUA vai investigar Facebook, Google, Microsoft e Apple – Conexão Política

-

- Advertisment -
- Advertisement -

O Congresso dos Estados Unidos abriu uma investigação sobre problemas de concorrência no mercado digital.

O objetivo é avaliar o papel de grandes empresas do setor e se elas possuem alto poder de mercado ou se promovem práticas anticompetitivas.

- Advertisement -

Gigantes como Amazon, Apple, Google, Facebook e Microsoft ocupam o topo da lista das companhias com maior valor de mercado do mundo, como o ranking da revista Forbes.

Elas possuem grande participação de mercado em seus segmentos.

Exemplos são o Facebook, que controle as três principais redes sociais do mundo (a de mesmo nome, o Whatsapp e o Instagram), e o Google, proprietário do principal mecanismo de busca do planeta (de mesmo nome), do maior sistema operacional, Android, e da maior plataforma de vídeo online, o YouTube.

A apuração será realizada por uma comissão bipartidária do Comitê Judiciário (Judiciary Comitee) da Câmara de Representantes (House of Representatives), o equivalente à Câmara dos Deputados no Brasil.

O grupo irá realizar uma série de audiências públicas para ouvir executivos das companhias de tecnologia, pesquisadores e representantes de consumidores.

A investigação irá focar em três áreas. Vai documentar problemas de concorrência em mercados digitais, examinar se os conglomerados dominantes estão atuando para dificultar a competição nesses setores e se as leis antitruste e políticas concorrenciais atuais são suficientes para lidar com este fenômeno.

A Internet aberta trouxe diversos benefícios para os estadunidenses, incluindo um surto de oportunidades econômicas, investimento massivo e novos caminhos para a educação online. Mas há evidências crescentes de que empresas assumiram controle sobre áreas como comércio eletrônico, conteúdos e comunicações, afirmou o diretor da comissão, o deputado democrata do estado de Nova York Jerrold Nadler, em comunicado no site oficial do comitê.

A investigação pode ter impactos no Brasil.

Isso porque essas empresas têm forte atuação no país.

Um exemplo é o Facebook, com mais de 130 milhões de usuários no Brasil.

O Youtube é utilizado por cerca de 100 milhões de brasileiros.

Eventuais medidas antitruste podem ter efeito, portanto, nos serviços oferecidos também aos usuários daqui.

Com informações, Agência Brasil 

O Conexão Política é um portal de notícias independente. Ajude-nos a continuarmos com um jornalismo livre, sem amarras e sem dinheiro público »APOIAR

Fonte: conexaopolitica.com.br/ultimas/congresso-dos-eua-vai-investigar-facebook-google-microsoft-e-apple

Deixe uma resposta

Últimas Notícias

Bomba caseira encontrada em estacionamento de escola da Califórnia

O dispositivo improvisado foi encontrado pelo jardineiro Uma bomba caseira foi descoberta esta semana numa escola em San Jose,...

Protocolada nova lista com 29 assinaturas para destituir delegado Waldir; confira a lista completa

Deputados alinhados ao governo do presidente da República, Jair...

PF prende em flagrante homem por posse de material de pornografia infantil

Cachoeiro de Itapemirim/ES – A Polícia Federal cumpriu na quarta-feira (27/11) um mandado de busca e apreensão em ação...
- Advertisement -

Equipe do Bandes participa de treinamento de prevenção de práticas ilegais no sistema financeiro

Capacitação faz parte do Programa Nacional de Capacitação e Treinamento para o Combate à Corrupção e à Lavagem de...

29 deputados querem Waldir fora da liderança do PSL na Câmara

Deputados alinhados ao governo do presidente da República, Jair...

Mais Lidas

- Advertisement -

Quem sabe você goste 😉Relacionados
Recomendamos para