17.1 C
Brasília
4 julho 2020

Bolsonaro

Vitória! STF arquiva ação de falsidade ideológica contra Bolsonaro

Atendendo a um pedido da Procuradoria-Gera da República (PGR), o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou uma ação contra o...

“Imprensa mundial é de esquerda”. Critica Bolsonaro

Presidente disse ainda que Donald Trump também "sofre" com isso

“O presidente usava minha figura pra dizer que seu governo combatia a corrupção.” Disse Moro ao Fantástico

Sérgio Moro em entrevista ao Fantástico da Rede Globo disse: “O presidente usava minha figura pra dizer que seu governo combatia a corrupção.” Ver Moro,...

Zezé di Camargo declara apoio a Bolsonaro. “Votei e votaria de novo”

O cantor sertanejo afirmou que tentativa de imputar crime contra o presidente foi fracassada. “Votei e votaria de novo”, diz Zezé di Camargo após...

Genro de Silvio Santos nega interferência do governo no SBT

Genro de Silvio Santos, o deputado federal Fábio Faria (PSD) usou as redes sociais neste domingo (24) para desmentir especulações de que a não...

Ato em favor de Bolsonaro enche as avenidas de Brasília

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro voltaram às ruas de Brasília neste domingo (24), em um ato em defesa do chefe do Executivo após a...

Globo é acusada de promover ‘fraude’ em série médica do JN

Internautas acusaram a Globo de “fraude” após a veiculação de uma reportagem da série médica que a emissora tem exibido, com diversos relatos de...

Bolsonaro manda “recado” ao STF e cita Lei de Abuso de Autoridade. Confira!

O Presidente Jair Bolsonaro compartilhou trecho da legislação que trata sobre divulgação de vídeos em processos em claro recado ao STF que tenta pegar...

Ex-assessor confirma reunião citada por empresário que acusou Flávio Bolsonaro

A defesa de Victor Granado Alves, advogado e ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), confirmou em nota divulgada nesta terça-feira (19) que seu cliente...

Doctor Rey defende uso de Cloroquina e quer ser Ministro. Assista agora!

Doctor Rey que defende o uso de Cloroquina deseja ser Ministro da Saúde do presidente Jair Bolsonaro. Ele defendeu o uso da droga no...

‘Não vou esperar f. minha família’, disse Bolsonaro em reunião, segundo AGU

O presidente Jair Bolsonaro mencionou as palavras “família” e “PF” em reunião ministerial ocorrida no mês passado no Palácio do Planalto. É o que...

‘É guerra, tem que jogar pesado com governadores’, diz Bolsonaro a empresários

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) conclamou nesta quinta-feira (14) um grupo de empresários de peso a pressionar governadores pela reabertura do comércio. Ele...

Clima esquenta entre Barroso e Bolsonaro

Os ânimos estão fiando cada vez mais exacerbados entre os poderes que regem a nação brasileira. Como se não bastassem os atritos entre o...

Mais Lidas

Dólar começa o dia em baixa, mas sobe e fecha a R$ 5,35

A divulgação de indicadores econômicos positivos nos Estados Unidos não animou o mercado financeiro brasileiro. Depois de começar o dia em baixa, o dólar reverteu o movimento e passou a subir. A bolsa de valores iniciou a sessão com forte alta, mas desacelerou ao longo das negociações e encerrou praticamente estável. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (2) vendido a R$ 5,35, com alta de R$ 0,032 (+0,6%). A divisa abriu em queda e aproximou-se de R$ 5,27 por volta das 11h30, mas passou a subir a partir do fim da manhã. O dólar comercial acumula alta de 33,32% em 2020. O euro comercial fechou o dia vendido a R$ 6,01, com alta de 0,55%. A libra esterlina comercial subiu 0,66% e encerrou vendida a R$ 6,684. Bolsa O dia foi marcado por oscilações na bolsa. O índice Ibovespa, da B3 (a bolsa de valores brasileira), fechou esta quinta-feira aos 96.235 pontos, com leve alta de 0,03%. Durante a manhã, o indicador chegou a operar com alta de mais de 1%, mas alternou momentos de ganhos e de perdas durante a tarde. O Ibovespa seguiu o mercado norte-americano. O índice Dow Jones, da bolsa de Nova York, encerrou o dia com alta de 0,36%. No início da manhã, a divulgação de que a economia norte-americana criou 4,8 milhões de empregos em junho, com o segundo mês seguido de alta, animou os mercados globais ao indicar que a recuperação da maior economia do planeta está se acelerando. No entanto, o aumento de casos de covid-19 nos Estados Unidos pressionou os mercados financeiros em todo o planeta durante a tarde. Há várias semanas, mercados financeiros em todo o planeta atravessam um período de nervosismo por causa da recessão global provocada pelo agravamento da pandemia do novo coronavírus. Nos últimos dias, os investimentos têm oscilado entre possíveis ganhos com o relaxamento de restrições em vários países da Europa e em regiões dos Estados Unidos e contratempos no combate à doença.

Weintraub chama Miriam Leitão de ‘jararaca’ e diz que ela está ‘acabada’

O ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, voltou a ser envolver em mais uma discussão no Twitter. Ele reagiu a uma publicação da jornalista Miriam Leitão,...

BNDES lidera grupo de bancos que vão participar da Conta-Covid

Dezenove instituições financeiras públicas e privadas, coordenadas pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), vão participar da Conta-Covid, financiamento emergencial destinado ao setor elétrico para enfrentamento da pandemia do novo coronavírus. O BNDES, junto com o grupo de bancos públicos, vai aportar 30% do total de até R$ 16,4 bilhões que serão liberados para as distribuidoras. Os restantes 70% serão oriundos dos bancos privados. A Conta-Covid foi regulamentada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) no último dia 23 de junho. Trata-se de uma operação de mercado, sem recursos do Tesouro Nacional, que foi estruturada sob a forma de empréstimo sindicalizado de bancos. A operação é lastreada por ativos tarifários, disse o BNDES, por meio de sua assessoria de imprensa. O processo de formação do grupo das 19 instituições financeiras participantes se deu após negociação, que contou com o apoio dos ministérios de Minas e Energia (MME) e da Economia (ME). Adesão A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) foi designada gestora da conta. Ela vai contratar a operação de crédito e repassar os recursos para as distribuidoras, que terão até amanhã (3) para fazerem sua adesão à iniciativa. A previsão é que os recursos serão liberados no final deste mês. De acordo com o BNDES, o empréstimo terá custo de Certificados de Depósitos Interbancários (CDI) + 2,9% ao ano, com 11 meses de carência e prazo de 54 meses para amortização. O BNDES informou também que a operação foi organizada com o objetivo de evitar reajustes maiores nas tarifas de energia elétrica, que seriam originados do próximo processo tarifário ordinário das distribuidoras. Com a Conta-Covid, esses valores serão diluídos em 60 meses, reduzindo os índices dos reajustes a serem aprovados este ano. “A medida garante às distribuidoras os recursos financeiros necessários para compensar a perda de receita temporária em decorrência da pandemia e protege os demais agentes do setor ao permitir que as distribuidoras continuem honrando seus contratos”, expôs o banco.

Senado aprova MP sobre acionistas de sociedades anônimas

O Senado aprovou hoje (2) a Medida Provisória (MP) 931/2020, que autoriza as sociedades anônimas (SAs) a estender o prazo para realização de assembleia...