A Juíza Carolina Lemos nega Saída de Lula Alegando falta de segurança
Polícia Federal alega que não dispõe de aeronaves para liberar Lula

A Polícia Federal em manifestação pública diz que não possui condições de realizar a liberação do ex-presidente Lula para comparecer ao velório de seu irmão Genival Inácio da Silva, de 79 anos, que morreu na manhã de hoje (29).

A PF disse à Juíza Carolina Lebbos que a possibilidade de Lula sair temporariamente da prisão para ir ao velório de seu irmão é insegura.

Segundo a Polícia Federal o transporte neste caso deveria ser feito através de helicópteros e suas unidades estão à disposição da cidade de Brumadinho em Minas Gerais onde aconteceu mais uma tragédia da empresa Vale do Rio Doce.

A defesa de Lula entrou com dois pedidos de permissão de saída baseado-se na Lei de Execução Penal que dá aos presos a possibilidade de sair da cadeia em casos especiais.

Veja! “Os condenados que cumprem pena em regime fechado ou semi-aberto e os presos provisórios poderão obter permissão para sair do estabelecimento, mediante escolta, quando ocorrer falecimento ou doença grave do cônjuge, companheira, ascendente, descendente ou irmão”.

Além do mais a Polícia Federal não dispõe de policiais suficientes para garantir a segurança do ex-presidente e das pessoas ao redor.

O funeral está marcado para as 13 horas dessa quarta-feira (30) e provavelmente não haverá tempo hábil de deslocar uma aeronave e Lula chegar em tempo para o funeral.

Deixe uma resposta