Avião da FAB saiu de Brasília com quase 23 toneladas de leite em pó e 500 kits de primeiros socorros com destino a Boa Vista, Roraima

O avião da Força Aérea Brasileira, que transportava 23 toneladas de leite em pó além de 500 kits de primeiros socorros para a Venezuela, chegou a Boa Vista, capital de Roraima.

De acordo com o porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, o Brasil manterá o planejamento de ajuda humanitária aos venezuelanos.

A decisão vem mesmo após o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciar o fechamento da fronteira.

Segundo o porta-voz, a estimativa é fazer chegar à região fronteiriça alimentos e remédios neste sábado (23).

“O planejamento da parte do governo brasileiro permanece o mesmo, estando em condições, a partir do dia 23, sábado, para prover os irmãos venezuelanos dentro do território venezuelano se houver a disponibilidade de meios e motoristas por parte dos venezuelanos liderados pelo Guaidó (Juan Guaidó, presidente interino)”, disse Rêgo Barros.

Segundo o porta-voz, a disposição do Brasil aguarda a chegada dos caminhões vindos da Venezuela, conduzidos por venezuelanos, mesmo que isso demore mais que o previsto.

Avião da FAB saiu de Brasília com quase 23 toneladas de leite em pó e 500 kits de primeiros socorros com destino a Boa Vista, Roraima para a ajuda humanitária colocada à disposição dos venezuelanos

*Com Agência Brasil